ESCOLA DE EQUITAÇÃO

Salto

NÍVEIS EQUESTRES DA ESCOLA DE EQUITAÇÃO DO CLUBE HÍPICO DE SANTO AMARO 

A Escola de Equitação do CHSA  classifica seus alunos em diferentes níveis.

Horários de funcionamento: 3ª a 6ª feira – 08h00 as 12h00 e das 13h00 às 18h00; sábado e domingo – 08h00 as 12h00 – Ligue (11) 5694-0600

São os seguintes os níveis da Escola e seus objetivos:

  • PRINCIPIANTE:          
    • montar e desmontar;
    • passo, trote elevado e sentado, com e sem estribos;
    • posição de equilíbrio com e sem rédeas;
    • transição passo, trote e alto;
    • volta e meia volta.
  • ELEMENTAR:  
    • montar e desmontar;
    • passo, trote elevado e sentado, com e sem estribos;
    • posição de equilíbrio com e sem rédeas;
    • transição passo, trote, galope e alto;
    • volta e meia volta, meia volta invertida, círculos, cortar o picadeiro, serpentiar;
    • executar reprise básica de adestramento;
    • passar cavaletes.
  • MÉDIO:          
    • montar e desmontar;
    • passo, trote elevado e sentado, com e sem estribos;
    • posição de equilíbrio com e sem rédeas;
    • transição passo, trote, galope e alto;
    • volta e meia volta, meia volta invertida, círculos, cortar o picadeiro, serpentiar;
    • executar reprises básica e elementar de adestramento;
    • passar cavaletes;
    • iniciar saltos isolados e ginástica de salto até 0,60 cm;
    • executar percurso de obstáculos de até 0,90 cm.
  • AVANÇADO:   
    • montar e desmontar;
    • passo, trote elevado e sentado, com e sem estribos;
    • posição de equilíbrio com e sem rédeas;
    • transição passo, trote, galope e alto;
    • volta e meia volta, meia volta invertida, círculos, cortar o picadeiro, serpentiar;
    • executar reprises básica e elementar de adestramento;
    • passar cavaletes;
    • saltos isolados e ginástica de salto até 0,60 cm;
    • iniciar saltos isolados e ginástica de salto de até 0,90 cm;
    • executar percurso de obstáculos de até 0,90 c

Adestramento

O ADESTRAMENTO CLÁSSICO

O adestramento clássico e a modalidade hípica que visa aumentar a integração entre cavalo e cavaleiro, fazendo com que estes trabalhem em perfeita harmonia. Para isto o aluno aprende a desenvolver determinadas ajudas (comandos dados ao cavalo) que são determinadas por um método universal. Também é função do adestramento desenvolver o desenvolvimento muscular e aeróbico necessário para o futuro do cavalo onde a exigência sobre o seu físico será maior.

O ADESTRAMENTO NA ESCOLA

Na escola de equitação o adestramento tem como função melhorar o posicionamento do cavaleiro, ensinar as ajudas ao mesmo, para que assim ele tenha uma boa base equitacional essencial a todas as modalidades hípicas.  Para isto a escola conta com cavalos treinados na modalidade e com experiência em concursos. Os concursos fazem parte do dia a dia do ensinamento, onde é mostrado ao aluno não só a parte equestre do esporte, mas também a forma de julgamento e preparação  do mesmo. O curso de adestramento também conta com aulas de arreamento, comportamento do cavalo e trato em geral.

Volteio

O Volteio pode ser definido como uma ginástica sobre o cavalo em movimento, onde os atletas (volteadores) executam movimentos em harmonia com as andaduras do cavalo. Trata-se, pois, de um jogo de ritmo, flexibilidade e força do qual participam no mínimo  três componentes: o cavalo, o volteador e o condutor. Pode ser praticado individualmente sobre o animal, em duplas ou em equipe (até três voltadores sobre o cavalo). O Volteio é considerado uma das mais antigas modalidades equestres. Na Idade Média fazia parte do treinamento dos exércitos para as guerras, pois ajudava a desenvolver a mobilidade e agilidade. Para os soldados, que carregavam espadas e escudos extremamente pesados, manter o equilíbrio sobre o cavalo era vital.

Pônei Clube

O PÔNEI CLUBE é uma atividade eqüestre na qual as crianças a partir de dois anos entram em contato com o mundo dos cavalos e da natureza, em que aprendem em um ambiente divertido e educativo a montar, cuidar, encilhar, enfim, diversas atividades de convívio e manejo dos pôneis. O PÔNEI CLUBE é uma fantástica base para os futuros Cavaleiros e Amazonas. Venha nos conhecer e agende uma aula experimental para seu futuro campeão!!

Equoterapia

A Equoterapia é um método terapêutico que utiliza o cavalo dentro de uma abordagem interdisciplinar nas áreas da saúde, educação e equitação, buscando o desenvolvimento biopsicosocial de pessoas portadoras de deficiência física e/ou mental e/ou sensorial. Modalidade na qual o cavalo é o agente promotor de ganhos físicos e psicológicos. O termo Equoterapia deriva do latim equus, que significa cavalo, e therapéia, que significa tratamento. Portanto, EQUOTERAPIA é um tratamento com auxílio do cavalo. Reconhecida como método terapêutico pelo Conselho Federal de Medicina desde 1997, a Equoterapia é a utilização do cavalo junto a uma equipe multiprofissional para o tratamento de indivíduos portadores de necessidades especiais. Um dos programas da Equoterapia é denominado Hippoterapia, no qual o movimento tridimensional que o cavalo gera ao passo é usado como agente terapêutico no processo de reabilitação física por fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais e fonoaudiólogos. Outro programa da Equoterapia é chamado Educação / Reeducação, onde psicólogos e psicopedagogos trabalham com dificuldades comportamentais ou de aprendizado. Os outros programas são Reeducação Equestre, Pré-esportivo e Hipismo Adaptado, onde o paciente é conduzido à prática esportiva adaptada. O cavalo proporciona diversos benefícios a seus pacientes, entre eles destacamos melhora em:

  • Equilíbrio;
  • Padrão de marcha;
  • Coordenação motora;
  • Conscientização corporal;
  • Autoconfiança.

A indicação ou contraindicação para a Equoterapia é feita após uma cuidadosa avaliação médica, fisioterapêutica e psicológica, de forma individual, para proporcionar ao paciente o maior ganho possível dentro desta modalidade terapêutica. A partir dos 2 anos de idade, sem limite para idosos, a equoterapia é indicada a diversas patologias, sendo algumas delas:

  • Paralisia Cerebral;
  • Lesões medulares;
  • Traumatismo Crânio Encefálico;
  • Síndromes Neurológicas (Down, West, Rett e etc);
  • Esclerose Múltipla;
  • Poliomielite;
  • Mal de Parkinson;
  • Microcefalia/ Macrocefalia;
  • Amputação;
  • Atraso no Desenvolvimento Neuropsicomotor;
  • Alterações posturais: hipercifose, hiperlordose, escoliose;
  • Alteração do tônus muscular – Hiper ou Hipotonia;
  • Hemiplegia, paraplegia, tetraplegia;
  • Distúrbios do equilíbrio – Ataxias;
  • Distúrbios emocionais: insônia, ansiedade, estresse;
  • Distúrbios sensoriais: deficiência visual, deficiência auditiva;
  • Distúrbios psicossociais: autismo, deficiência mental, alterações comportamentais, distúrbios do aprendizado.

O passo do cavalo transmite ao paciente diversos estímulos que deslocam o corpo no espaço, exercitando equilíbrio, treinando a coordenação e melhorando o esquema corporal. Psicologicamente, ocorre o aumento da autoestima e autoconfiança. O cavalo torna-se o amigo digno de confiança, contribuindo com suas pernas e seu corpo forte para a melhora de seus pacientes. Com cavalos especialmente treinados e materiais totalmente adaptados às diversas necessidades, o Centro de Equoterapia do Clube Hípico de Santo Amaro dispõe de profissionais especializados para o atendimento em diversas áreas da reabilitação. Contamos com adaptações como rampa de acesso para cadeiras de rodas, plataformas de apoio lateral, alças, mantas, selas adaptadas, estribos e rédeas especiais, tudo em um ambiente agradável que favorece o aprendizado e estimula o processo de reabilitação do indivíduo. O engajamento do terapeuta provoca no paciente estímulos diversos que contribuem ativamente para a reabilitação física e intelectual, sendo a Equoterapia uma atividade prazerosa frente à atmosfera esportiva. A meta da terapia é proporcionar experiências positivas com movimentos que permitam às pessoas desenvolver um modo organizado de olhar o mundo. As atividades propostas as ajudam a ter movimentos mais eficientes, sincronizados e mais precisos. A Equoterapia beneficia o paciente com inúmeros estímulos sensório-motores, desde estando o cavalo parado, até durante o passo ou mesmo trote.